Papa o “Doce Cristo na terra”

Hoje dia 29 a igreja Católica Apostólica Romana comemora a Solenidade de São Pedro, a Pedra sobre a qual a Igreja foi erigida.

Tu és Pedro, e sobre esta Pedra edificarei a Minha Igreja; Eu te darei as chaves do Reino dos céus; tudo o que ligares sobre a terra será ligado no céu; e as portas do inferno nunca prevalecerão sobre ela” Mt 16,16-19.

É sob esta Promessa Divina que a Igreja crê que jamais será derrotada neste mundo.

Nela e com Ela Jesus prometeu permanecer todos os dias “até o fim do mundo” (Mt 28,20).

Pois perseverantes Nela, à Pedro e aos Apóstolos o Espírito Santo, prometido por Jesus Cristo, “…Permanecerá convosco e estará em vós” e “ensinar-vos-á todas as coisas” (Jo 14,15.25;16,13).

Inúmeros fatos históricos corroboram para fortalecer esta confiança, talvez o mais claro seja o próprio tempo, pois nenhuma instituição humana sobreviveu 2000 anos de história e teve 266 lideres ininterruptos.

Foram perseguições, guerras, cismas. Muitas vezes se disse que seria o fim, que este ou aquele seria o seria o último Papa da Igreja.

Ledo engano, sanguinárias revoluções, perseguições divisões e os papas continuaram mais firmes do que nunca exercendo o múnus de guiar, reger, confirmar, instruir e proteger o Rebanho de Cristo.

Embora seja sabido que os trinta primeiros papas da Igreja (Pedro, Lino, Cleto, Clemente, Evaristo…) foram todos martirizados, devemos lembrar que o Espirito Santo sempre deu ao primado de Pedro um sucessor.

Hoje fazemos memória de Pedro, o Vigário de Cristo na terra, o “Doce Cristo na terra”, como dizia Santa Catarina de Sena.

E é este o motivo da solenidade de hoje, ação de graças por aqueles que foram, são e serão o “Doce Cristo na terra”.

Nosso tempo nos traz algo peculiar a ele, temos vivos dos Pastores aos quais o Primado de Pedro, foi confiado, o Papa emérito Bento XVI e o Papa Francisco.

Neste dia de maneira especial por ambos rendemos graças a Deus, pelo primeiro por grata memória de seu trabalho, ao segundo por sua eficaz e sempre mais atuante ação, que seja Santo em sua Missão.

Viva o Papa! Que firme em Cristo, por Cristo e com Cristo, siga fiel e firme, conduzindo a Igreja até a plenitude dos tempos.

Comentários